Livro: It – A Coisa, Stephen King

Em 25.07.2017   Arquivado em Meta

Yeah! Faz tempo que estou devendo esse post por aqui!

Um dos mais recentes livros que li, foi por acaso. Descobri ele enquanto eu fazia compras: a capa me chamou a atenção e os comentários. E era tanto comentário positivo que resolvi me aventurar.

It, a Coisa foi meu livro de estreia no universo de Stephen King e de longe o maior que já li. Com 1.102 páginas, assim que vi o tamanho dele confesso que me senti inspirada e até mesmo desafiada. Afinal, será que eu daria conta de ler tudo?!
Mas esse foi um livro que simplesmente devorei. Por falta de tempo, pegava para ler sempre antes de dormir, e as vezes passava horas e horas grudada nele.

“Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e… do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry. Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa. Em ‘It – A Coisa’, clássico de Stephen King em nova edição, os amigos irão até o fim, mesmo que isso signifique ultrapassar os próprios limites.”

Posso dizer que It virou um dos meus livros preferidos.
Para os iniciantes na leitura não sei se eu recomendaria, por ser grande é preciso um pouco mais de concentração e determinação em terminá-lo. Mas a leitura é simples e gostosa, embora King seja rico nos detalhes (e põe rico nisso) o que faz a história ser mais extensa. Eu diria que esse é um dos ponto positivos, pois a gente se sente realmente por dentro, como se estivéssemos lá mesmo.

Eu me senti tão próxima de todos, que era como se eu fizesse parte do Clube dos Otários e fosse amiga deles, como se eu estivesse presente em todos os eventos de Derry e tivesse realmente visitado todos os lugares que o autor descreveu. Eu ainda não li outras obras do King, mas espero que essa seja uma marca registrada dele.

Quanto a história: maravilhosa. Teve apenas uma pequena parte em que eu achei desnecessária e que (na minha opinião) achei um pouco pesada e que não deu a importância real no motivo daquilo. Mas não vou entrar em mais detalhes para não dar spoiler. haha

Outro ponto que gostaria de ressaltar é que ele é de terror, mas é aquele medo que você sente através dos personagens, ou seja, fechou o livro e passou o medo. Outros fatores de peso são, principalmente, a amizade e a lealdade. É muito bonita a relação entre eles mesmo após anos sem se falarem.

Para quem ainda não leu, recomendo muito! O filme irá estrear nos cinemas no dia 07 de setembro. Veja o trailer abaixo:

E vocês, já leram esse ou outras obras do King? Comentem!

Um beijo!